6 dicas para participar de leilão de veículos: perca seu medo e faça um bom negócio

Nessas 6 dicas para participar de leilão de veículos será possível ampliar os conhecimentos sobre o assunto.

Fazer arremates em leilão de veículos é algo que pode ajudar muitas pessoas a realizarem o sonho de aquirir carro ou moto com uma economia muito maior.

Por outro lado, a falta de conhecimento sobre o assunto e a pressa de comprar um veículo, pode acabar gerando um péssimo negócio para o arrematante.

É importante que todos os interessados (as) entendam o leilão como sendo uma oportunidade para comprar bons veículos, com preços abaixo do mercado e até mesmo vejam a possibilidade de lucrar com esse mercado. Mas se informar e se preparar é parte fundamental para o sucesso no mundo dos leilões de veículos.

6 dicas para participar de leilão de veículos

dicas para participar de leilão de veículos

É fato que todos nós já ouvimos em algum momento sobre a má experiência de um amigo ou conhecido num leilão de veículos ou sobre a ótima compra que outra pessoa fez.

O que diferencia uma pessoa que fez um mal negócio, da que fez um ótimo negócio?

ANÚNCIO

Adiantamos que não existe fórmula mágica e muito menos um “jeitinho” para conseguir adquirir um bom veículo, mas ainda assim existem dicas valiosas que podem ajudar os menos experientes nesse assunto:

1- O Edital é o seu melhor amigo

Não viva esperando que alguém te conte como vai ser um determinado leilão, leia o Edital porque todas as informações mais importantes estarão lá.

Neste documento será possível conferir a data de abertura e encerramento do leilão, como e quando será a visitação e também informações sobre a retirada do veículo.

Ainda no Edital é possível ver todos os bens que serão leiloados e as suas informações e descrições.

Praticamente todas as dúvidas que possam passar pela sua cabeça, já estarão respondidas no Edital de Leilões.

2- Acompanhe um leilão mesmo sem participar

Seja presencial ou online, participe de um leilão como expectador antes de começar a realizar os seus próprios lances.

A vantagem da categoria online é que qualquer pessoa pode assistir em tempo real os lances que estão sendo realizados em diversos veículos sem precisar sair de casa.

Assim é possível analisar os valores dos lances, até qual limite máximo os participantes geralmente chegam para ser o arrematante do leilão e afins.

3- Veja antecipadamente os bens que serão leiloados

Mais uma vez voltamos na dica 1, já que dá para ver quais os bens que serão leiloados através do Edital de Leilões.

Além disso, muitos sites de leiloeiros publicam as fotos dos carros e motos que estarão disponíveis para lances.

Veja o valor inicial do lance, faça uma pesquisa sobre o valor real do bem no mercado através da tabela FIPE, por exemplo.

Sempre tenha o máximo de informações possíveis sobre o bem para poder desenvolver uma estratégia de lances adequada.

4- Estipule um valor limite de lance

Um grande fator que não podemos deixar de mencionar nas dicas para participar de leilão de veículos, é o fato de que a emoção do momento pode gerar dores de cabeça e prejuízos.

É muito importante ler o Edital de Leilão, ver os bens que serão leiloados e definir quais são do seu interesse, fazer a pesquisa de mercado e por fim, definir um valor limite para o lance.

Não se deixe simplesmente levar pelo momento, mas tenha o seu valor limite claro e definido.

É fundamental levar em consideração os gastos com taxa do leiloeiro, mecânico, documentação, regularização e retirada do veículo do pátio.

Tudo isso deve ser levado em conta, pois todo mundo possuí um orçamento para gastar com um determinado bem, por esse motivo o lance máximo tem que ser estrategicamente pensado e alinhado antes de começar a efetuar os lances no leilão.

5- Conheça a procedência dos veículos

Os veículos podem ter diversas procedências, como terem sido apreendidos numa blitz, recuperados de financiamentos, recuperados pela seguradora e afins.

Muitas pessoas não gostam de adquirir carros recuperados pela seguradora, outros não gostam de carros e motos apreendidas do Detran e assim vai.

Não há como afirmar que uma procedência é 100% ruim ou boa, pois tudo depende do estado real do veículo. Mas ainda assim, é importante saber essa informação.

6- Vale a pena arrematar carro ou moto de leilão?

Com o passar do tempo percebemos que a resposta para essa pergunta é extremamente pessoal.

Quem perguntar para um dos nossos leitores que está satisfeito com a sua compra se vale a pena arrematar veículos de leilão, muito provavelmente a sua resposta vai ser que sim, visto que o mesmo conseguiu fazer um bom negócio após se preparar para isso e aprender sobre o assunto.

Agora quem pergunta para alguém que não se preparou e acabou realizando um mal negócio, é praticamente certeza que essa pessoa vai responder que não vale a pena.

Conclusão sobre as dicas para participar de leilão de veículos

Como foi possível verificar com as 6 dicas para participar de leilão de veículos, o primeiro passo para não fazer um mal negócio é a preparação, aprender mais sobre o assunto, pesquisar e se informar.

Sempre vamos incentivar qualquer tipo de compra de forma consciente. Agir somente pelo impulso pode gerar mais problema, do que satisfação pelo bem adquirido.

Na maior parte dos casos o que diferencia alguém que tem sucesso no mercado de leilões, para aqueles que só falam mal, é quanto ambas ficaram dispostas a aprender sobre o assunto.

Seja para uso próprio ou para revenda, use as nossas dicas para participar de leilão de veículos e comece nos primeiros passos rumo a um ótimo negócio.

Gostou do artigo?

Se você gostou das dicas desse artigo e quer acompanhar nossas próximas novidades nos siga no Facebook e no Instagram.

* Imagem por Canva.

Importante: Este site faz uso de cookies para que você tenha uma melhor experiência. Conheça nossa nova Política de Privacidade.
Scroll to Top