Atraso na fatura? O prazo de negativação no SPC/Serasa vai ser estendido

O atraso na fatura é um assunto que tem preocupado muitas pessoas e famílias nesse atual momento em que a pandemia devido ao Coronavírus está afetando o Brasil e o mundo na saúde e na economia. Até porque o período sem trabalhar está gerando falta de recursos financeiros para o pagamento de contas.

Profissionais que foram demitidos, comerciantes impedidos de abrirem as suas lojas e as contas que chegam normalmente. Acontece que a Associação Nacional dos Bureaus de Crédito (ANBC), entidade que representa a indústria de análise de dados, divulgou que o processo de negativação deverá ser estendido para 45 dias após a comunicação ao devedor.

De modo geral, antes dessa comunicação que começou a valer após o dia 17 de abril, o prazo para negativação junto aos órgãos de proteção ao crédito era de 10 dias.

Não há como saber como será o Brasil após os efeitos do COVID-19, mas a retomada das atividades produtivas e o bem-estar social devem ser priorizados. A instituição acredita que essa será uma maneira de ajudar as pessoas a continuarem tendo acesso as linhas de crédito, pois assim será possível se restabelecer financeiramente outra vez.

Pode ser que você também goste:

Casas Bahia vai oferecer R$500 a 2000 mulheres empreendedoras

ANÚNCIO

Santander prorroga para até 60 dias a parcela do empréstimo

Despejo por não pagamento do aluguel pode ser suspenso durante Coronavírus

Prazo de negativação no SPC/Serasa vai ser estendido devido a pandemia

Atraso na fatura
Imagem por Depositphotos

Ainda no comunicado da ANBC, a entidade destaca a importância de credores, consumidores e empresas manterem o diálogo sobre a renegociação dos seus créditos de forma responsável.

Sendo assim, é fundamental entrar em contato com a emissora do cartão de crédito por exemplo, ou com qualquer outro credor. Diante do atual cenário de pandemia, o diálogo entre as partes e a disposição para solução do problema podem evitar dores de cabeça ainda maiores.

Como resultado da medida adotada, os devedores terão um prazo maior para tentar resolver essa situação que no atual momento já atinge milhões de brasileiros.

É impossível saber agora até quando todos os efeitos do COVID-19 vão durar, mas esse comunicado já pode ajudar muitas pessoas que sempre cumpriram com as suas contas em dia, a não terem o nome negativado em razão do atraso na fatura.

Essa medida passou a vigorar no dia 17 de abril, durante 90 dias, mas pode ser prorrogada para minimizar os efeitos da crise.

Gostou da matéria?

Se você gostou da matéria deixe o seu comentário abaixo 😁 Mas se ainda tiver ficado com alguma dúvida, nos envie a sua mensagem!

Aproveite para nos acompanhar no Facebook também, onde diariamente publicamos as nossas mais recentes matérias.

* Todas as informações contidas nesse artigo foram retiradas diretamente do site oficial da ANBC em abril/2020. Qualquer novidade sobre o assunto será divulgada.

Importante: Este site faz uso de cookies para que você tenha uma melhor experiência. Conheça nossa nova Política de Privacidade.
Scroll to Top